Advertisements
Anúncios

Doutora Joana D’arc e a Mitomania

Nas últimas semanas, a então prestigiada doutora Joana D’Arc Félix de Souza caiu em desgraça ao ser flagrada mentindo após inserir no currículo inexistente pós-doutorado em Harvard.

Piorou ainda mais a própria situação com respostas evasivas e dissimuladas sobre a mentira.

Na sequência dos fatos, descobriu-se outros problemas pessoais de Joana, entre os quais uma condenação por não prestar contas à FAPESP.

Por conta disso, a doutora, além de sepultar a credibilidade, passou a ser atacada nas mídias sociais.

A decepção pública ocasionada pelas mentiras contadas por Joana, uma professora negra, oriunda da pobreza, que sempre serviu de exemplo de superação à muitos admiradores, é justificável, mas não deve sobrepor-se à realidade.

Estudante exemplar, graduada, mestrada e doutorada com ótimos trabalhos na UNICAMP, a doutora é, de fato, acima da média.

Não à toa, a Globo Filmes interessou-se em contar, em filme, a brilhante trajetória.

A questão levantada pelo recente episódio, que não foi devidamente tratada pela mídia, é que, pelo histórico de vida de Joana, não apenas o acadêmico, a indicação mais provável é a de que sofre de uma patologia frequente em quase todos os meios sociais, profissões e até no jornalismo: a mitomania.

Apesar de existirem mitômanos sem caráter, nem todos o são.

Excluir da discussão o verdadeiro currículo de Joana D’Arc, de fato, merecedor de aplausos, e a evidência clara de que pode se tratar de uma pessoa doente, prejudica a percepção da realidade e acaba por turvar olhares interessantes sobre mais um obstáculo que ela precisou superar para atingir patamar de excelência que poucos brasileiros conseguiram conquistar.

Sobre credibilidade, aí são outros quinhentos.

Após este episódio, Joana – que precisa se tratar, terá todas as ideias, fatos, descobertas e afirmações colocadas em dúvida, pelo resto da vida, o que num primeiro momento pode se tornar sufocante, mas, ao final, reafirmador de sua excelência como profissional.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

1 comentário em “Doutora Joana D’arc e a Mitomania”

  1. Parabéns pelo artigo que reflete sua brilhante capacidade de relatar fatos com imparcialidade. Em minha opinião, esse é um dos importantes papéis do verdadeiro jornalismo. Destaque-se também em seu artigo esse grave problema patológico (i..e, mitomania) que parece a cada dia atormentar a saúde mental de muitas pessoas.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: