Advertisements
Anúncios

Oração de Pelé

Por ROBERTO VIEIRA

Ainda que eu driblasse na ginga dos homens.

Ainda que eu cabeceasse nas nuvens com os anjos.

Ainda que eu marcasse mil gols no Maracanã.

Sem o amor de Dondinho e Celeste eu nada seria.

Seria como o Mané de pernas tortas.

Perdido nas fintas de si mesmo.

Seria como o Heleno, rico e exilado.

Sozinho nas curvas de Barranquilla.

Pois.

Ainda que eu driblasse na ginga dos homens.

Ainda que eu cabeceasse nas nuvens com os anjos.

Ainda que eu marcasse mil gols no Maracanã.

Sem o amor de Dondinho e Celeste eu nada seria.

É solitário jogar pra tanta gente.

É um não contentar-se de contente.

É cuidar que se ganha e se perder.

Mas.

Ainda que eu driblasse na ginga dos homens.

Ainda que eu cabeceasse nas nuvens com os anjos.

Ainda que eu marcasse mil gols no Maracanã.

Sem o amor de Dondinho e Celeste eu nada seria.

E ainda que eu tivesse o dom da tabelinha.

Ainda que eu tivesse a ciência da paradinha.

Ainda que eu tivesse a fé que conquista a Jules Rimet.

Sem o amor de Dondinho e Celeste.

Eu nada seria…

*Pelé completa 78 anos hoje

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

1 comentário em “Oração de Pelé”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: