Palmeiras paga R$ 500 mil de comissão por Márcio Araújo e encerra execução judicial

marcio-araujo_thumb.jpg

Em maio de 2014, o ex-jogador Claudio Guadagno ingressou na Justiça para cobrar R$ 500 mil do Palmeiras.

O montante era referente ao comissionamento de intermediação do jogador Marcio Araújo.

A 20ª Vara Civil entendeu que a cobrança era justa e decidiu pela execução.

Somete na última quinta-feira o processo foi suspenso, porque o Palmeiras decidiu pagar a quantia, evitando assim dissabores maiores, como penhora de bens, etc.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.