Advertisements

Conselheiro do São Paulo paga dívida e consegue reverter expulsão na Justiça

juvenal bravo

Em 2013, o então conselheiro do São Paulo, um dos que ajudou a eleger Juvenal Juvencio, Sr. Joaquim José Lacerda Ribeiro, perdeu não apenas o cargo no clube, mas também foi expulso do quadro de associados.

O motivo: alguns meses de inadimplência na mensalidade, ocasionado por problemas financeiros.

Após sair da situação ruim, Ribeiro depositou todos os valores devidos ao Tricolor, em juízo, já que o clube recusava-se, por intermédio de sua diretoria financeira, a receber, inclusive não mais enviado boletos à residência do citado.

Pediu, também, a restituição de seus direitos no clube, alegando que todo o seu processo, seja o de exclusão, como também o de destituição do Conselho ocorreram de maneira irregular, sem que tivesse chance de se defender.

Foi também o que entendeu a Justiça, que considerou abusivas as deliberações da diretoria do clube para com o Sr. Ribeiro, restabelecendo sua condição de associado e, consequentemente, de conselheiro Tricolor.

O clube recebeu a quantia depositada, teve que dar quitação aos débitos, mas, apesar da derrota, escapou de ter que pagar indenização por danos morais.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: