Advertisements

80 anos do presidente da Democracia Corinthiana

Comemora-se hoje, em São Paulo, num evento fechado a amigos, 80 anos de Valdemar Pires, o presidente da “Democracia Corinthiana”.

Movimento dos mais famosos na história não apenas do futebol, mas também de toda a política nacional.

Pires permitiu que uma geração de jogadores, de mentes privilegiadas, instaurasse num clube o que se desejava há anos no Brasil.

Um sistema de democracia plena, em que todos, desde os mais famosos até os desconhecidos tinham o mesmo poder de decisão.

Advertisements

Facebook Comments

14 Responses to “80 anos do presidente da Democracia Corinthiana”

  1. Carlos Says:

    Pois é, enquanto se comemora o aniversario do ex presidente da democracia corinthiana, do outro lado se vê fascistas safados. O torcedor santista deveria ler o blog http://memorias-sonhos-reflexoes.blogspot.com.br/ para ver o que é um clube pessimamente administrado. Em 2014 teremos clássico paulista na segundona, Porcus versus Sardinhas Podres. A podridão do timinho da baixada começa a aparecer de forma fulminante. Será que eles se venderam ao Barcelona mesmo?

  2. Lampião Says:

    Esse Carlos, Maisa, etc

    Chato pra caramba viu!!!
    Fica entrando com vários nicks diferentes só para promover esse blog santista dele.
    Quem quer ler coisa do Santos???

  3. Carlos Says:

    Lampião, desculpa, meu caro, ninguém tá querendo promover blog algum. Nem santista eu sou. É bom que todos vejam que os diferenciados de lá, como todos imaginavam, são na verdade enganadores. Saudações alvinegras!

  4. ROBERTO MANDROVANNI Says:

    A verdade é que ele engoliu goela abaixo esse movimento.

    Eu estou para conhecer um sujeito mais bipolar do que esse Sr.

    Muda mais de lado do que troca de cuéca.

    Nunca é tarde, mas com 80 anos eu acho que não tem mais jeito.

  5. xico malta Says:

    Um homem que não conseguiu entender a dimensão da história que fez parte.

  6. Alex Franco Says:

    Foi bi campeão em cima da bixarada !!!! eternas “fregaysas” !!!

  7. Analista Says:

    Quero deixar um abraço a um homem que, como poucos, soube respeitar um Estatuto. Tinha tudo para rasga -lo, se reeleger e não o fez. Faz já algum tempo que o movimento capitaneado pelo Sr. Waldemar terminou mas o tema “Democracia Corinthiana” está sempre em evidência. São vários estudos e trabalhos publicados à respeito que tenho conhecimento e já li alguns, inclusive vi um curta metragem feito por alunos da PUC Campinas que parece ter sido premiado. O grande “mocinho” dessa historia, infelizmente já nos deixou (Dr. Sócrates) mas continuam firmes o Wladimir, Casagrande, Zenon, Biro-Biro, Juninho, Prof. Mario, irmãos Solito, Eduardo e outros que não me recordo. Lembro-me também que havia uma diretoria firme, nomeada pelo Sr. Waldemar, que norteava muito bem os passos daquele movimento que era pioneiro e iria culminar com o fim da ditadura e a consequente abertura política do nosso país. Dentre alguns nomes que não podem ser esquecidos estão o Adilson Monteiro Alves, o Washington Olivetto, o Sergio Scarpelli, o Enéas e outros que com o passar do tempo, não me vem à mente. Então Sr. Waldemar Pires aceite meus parabéns, nesta data tão significativa(80 anos) e tenha certeza que o movimento que o Sr. liderou junto com seus diretores e jogadores, não foi em vão pois a historia vai sempre lembrar da “Democracia Corinthiana” e do senhor. Um abraço.

  8. Jesus Says:

    É isso aí Roberto. Presidente fraquíssimo, era dominado pelos jogadores e pelo Adilson, que também foi dominado pelos jogadores. De certa forma foi bom, pois sem personalidade não interferiu nos bons momentos do Corinthians.

  9. Peter Says:

    Infelizmente pouco sobrou daquele movimento no Corinthians e no futebol nacional. Poucos jogadores hoje querem se envolver demais em política, todos são individualistas ao extremo e pouco criticam o que há de errado no mundo da bola.Pena !

  10. Eita Says:

    Muita gente fala que esse tal democracia foi pura lorota, foi apenas uma jogada de markenting criada pelo washington olivetto.

    Queria ver pedir democracia em 1970, na decada de 80 nao tinha mais perseguicao politica.

  11. Renan Andolini Says:

    Democracia? A LOGICA DO COMUNISTA É A SEGUINTE…Quando eles mandam é democracia e quando são subordinados é ditadura…Aquilo foi uma ditadura que só quem mandava era o Socrates e os outros obedeciam.

  12. EU - ABSOLUTIS VERITAS Says:

    Carlos Disse:
    junho 5, 2013 às 8:43 am

    Parabéns, continue divulgando o que você acha útil.

    O tranqueira que falou bobagens a seu respeito, é o sujeitinho que nais repete coisas por aqui. Não perca seu tempo com este insignificante.

  13. Sérgio Says:

    Ele não mandava nada, e a tal Democracia corinthiana foi pura jogada de marketing, que só ganhou campeonato paulista , conseguiram perder uma semi final para o time ridículo do fluminense. Não mudou nada na filosia dos clubes e dos jogadores e não teve repercussão nenhuma no meio futebolistico, nada melhorou só pros envolvidos por tempo determinado.

  14. João Domingos Custodio Says:

    Esta democracia corintiana era ume mentira, é só perguntar pro Leão,que sequer era ouvido.Democracia de mentirinha.

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: