São Paulo extrapola no Pacaembu

Por JUCA KFOURI

http://blogdojuca.uol.com.br/

Não era para ser, porque La U não é qualquer um, mas acabou sendo um treino com vistas ao jogo decisivo, no Olímpico, contra o Grêmio, no domingo.

Um treino de luxo, diga-se, porque o São Paulo jogou muito e soube se aproveitar da fragilidade da defesa chilena, a começar de seu goleiro, Johnny Herrera, que logo de cara aceitou um chute de fora da área de Jadson, aos 4.

Em seguida foi a vez de Lucas ganhar uma bola pelo meio de campo e, com direito a drible da vaca, fazer lindo gol, aos 21.

O mesmo Lucas que esticou uma bola preciosa para Luís Fabiano fazer 3 a 0 por cobertura.

E não havia passado nem meia hora ainda!

Sim, o Fabuloso marcou aos 28.

Daí, é claro, com 5 a 0 no placar agregado para ganhar vaga nas semifinais da Copa Sul-Americana, o tricolor tratou de administrar.

Voltou ainda com todos os titulares para o segundo tempo, mas apenas para que Lucas e Luís Fabiano pudessem ser aplaudidos ao serem substituídos nos dez primeiros minutos.

Mesmo assim, aos 19, logo depois de Denílson também sair, Rafael Tolói mandou uma bomba em cobrança de falta do meio rua para ampliar para 4 a 0.

Ademílson, Willian José e Casemiro estavam no baile.

Aos 31, sobrando em campo, Cortez chamou os chilenos para dançar e deu com açúcar para Jadson fazer o quinto.

Os campeões da copa de 2011 se despediam da de 2012 com uma sonora goleada.

Agora é esperar para saber se ao São Paulo restará enfrentar o Grêmio ou quem passar entre Universidade Católica e Independiente que jogam amanhã, no Chile, depois de empatarem por 2 a 2 na Argentina.

Mais de 32 mil são paulinos viveram uma grande noite no Pacaembu.

A Universidad de Chile aprendeu uma dura lição na Pauliceia.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.