Palmeiras: investigações e punições precisam começar

Praticamente rebaixado para a Série B do Brasileirão, está na hora do Palmeiras expulsar de vez àqueles que há anos tentam apequenar o clube usufruindo de seu prestígio e, por vezes, dos recursos financeiros.

Diversas são as acusações de favorecimento aos dirigentes do clube nos últimos tempos que precisam ser devidamente apuradas.

Ontem, por exemplo, publicamos que Gilberto Cipullo pagou comissão a uma empresa pela negociação do treinador Felipão sendo que esta sequer participou da negociação.

R$ 250 mil.

No mesmo dia, para agravar a situação, o próprio treinador, por intermédio de sua assessoria, ratificou ter negociado diretamente com Cipullo, disse desconhecer os agentes citados e que não possui nenhum representante para negociar em seu nome no Brasil.

Ou seja, Cipullo pagou dinheiro do Palmeiras para destinatário que não fez absolutamente nada para merecer recebe-lo.

Por que o fez ? Com qual objetivo ?

Levando-se em consideração que, em passado recente, encontraram-se depósitos em dinheiro de empresários de futebol na conta bancária pessoal do ex-diretor de futebol, não fica assim tão difícil imaginar a resposta.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.