Advertisements

“Analistas” comentam sem conhecer Romarinho

Tenho lido, nas últimas semanas, nos principais portais do Brasil, sobre a suposta queda de desempenho de Romarinho nos últimos jogos.

A escassez de gols após os dois marcados contra o Palmeiras e o tento salvador na Libertadores é utilizada como argumento para os comentários.

Demonstração da falta de preparo, ou até de preguiça em trabalhar, de quem trata um jogador que nunca foi artilheiro como tal.

O histórico de Romarinho é claro.

Apesar da boa técnica e facilidade em antever as jogadas, sua principal característica sempre foi a de preparar jogadas.

Fez gols importantes, mas sua média nunca foi a de um grande artilheiro.

Por exemplo, em 2010, jogou 13 jogos pelo Rio Branco, marcando apenas 1 gol.

Em 2011, atuou por São Bernardo, 5 partidas e nenhum gol, e Bragantino, local em que computando os jogos disputados desde sua chegada, no final de 2011, até a saída em 2012, temos 45 jogos e 16 tentos assinalados.

Há diversas maneiras de se analisar o futebol de um jogador com as qualidades de Romarinho.

Tratá-lo como “goleador”, que nunca foi, demonstra, no mínimo, desconhecimento sobre o atleta.

Além de dificuldade de enxergar o que há de melhor no jogador, imperdoável para quem vive de comentar futebol.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: