Advertisements

Caso Corinthians, Palmeiras e Rogério

O caso em que o Palmeiras ganhou R$ 16 milhões na justiça do Corinthians foi julgado, em segunda instancia,  na 4ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça.

O processo é o de nº 447.565.4/2

Na verdade o clube de Parque São Jorge tentou, com a ajuda do atleta e da advogada Gislaine Nunes, pressionar o clube de Parque Antártica a liberar o jogador, valendo-se da Justiça do Trabalho, que permitiu a inscrição do jogador, levando em consideração o preceito de que ninguém pode ser impedido de trabalhar.

Correto.

Mas os advogados do Corinthians não perceberam que o contrato de Rogério era submetido, ainda, a antiga lei do passe, que escravizava o jogador, e protegia o clube.

Foi o que aconteceu.

Inteligentemente os advogados do Verdão entraram com recurso fora do âmbito trabalhista.

O processo, por “danos morais e materiais”, foi acatado por unanimidade, três a zero, e teve como relator o juiz Natan Zelinschi de Arruda.

A votação teve a participação de Enio Santarelli Guliani, presidente da câmara, e de Fernando Antonio da Cunha e Carlos Antonio Teixeira Leite Filho.

Os advogados do Corinthians foram o Dr. Diogenes Mello Pimenta e Sergio Dante Grassini.

Dr. Heraldo Panhoca defendeu o atleta Rogério.

Pelo Palmeiras, brilhantemente advogaram os Drs. Daniel Grandesso dos Santos, Cid Flaquer Sacartezzini e Luis Carlos Moro, que também advoga para o jornalista Dalmo Pessoa.

Talvez por este motivo, Dalmo Pessoa, no início do processo, no programa Mesa Redonda, da TV Gazeta, afirmava categoricamente que o caso do Rogério poderia gerar muita dor de cabeça ao Corinthians.

De R$ 8,6 milhões a dívida do Corinthians passou para R$ 16 milhões, e pode aumentar ainda mais se o clube tentar novo recurso.

Haja incompetência, não ?

Facebook Comments
Advertisements

50 comentários sobre “Caso Corinthians, Palmeiras e Rogério

  1. Marcone

    Paulinho, sou um dos que sempre acredita que você se posiciona de forma correta.

    Está claro que a Sra. Gislaine Nunes, associada aos dirigentes Corinthians, tentaram agir como espertalhões ao mudar o Rogério de Parque.

    Valer-se, porém, de um recurso que caía em desuso (Lei do Passe) para contestar danos morais perante a lei é, no mínimo, coisa de gente mal-intencionada, não acha?

    Pau que bate em Chico, bate em Francisco. Ou não?

  2. Terencio Trindade

    Caro Blogueiro Paulinho, em favor da transparência e da Credibilidade que você tanto prega é interessante esclarescer se o responsável peolo Futebol Corinthiano na época da contratação do Rogério não seria Citadini, pessoa que você tanto acha preparada para assumir o Timão.

    Paulinho: Meu caro, é evidente que você, como pessoa esclarecida, sabe que a questão é jurídica, e nada tem a ver com o departamento dele. O clube demonstrou interesse, e o departamento jurídico deu aval para a negociação. Os responsáveis, evidentemente, são o diretor jurídico da época, e Dualib, que era o presidente.

  3. Ari

    Paulinho, por que vc citou os nomes dos advogados envolvidos, o que pretende com isso?

    Da forma que vc põe a questão, dá entender que o processo foi ganho graças a competência dos advogados do Palmeiras e incompetência dos do Corinthians.

    E ainda que assim o fosse, não seria ÉTICO nominá-los, pois a OAB veda, EXPRESSAMENTE, esse tipo de comportamento (autopromoção, divulgação de causas ganhas etc.).

    Se tivesse o mínimo de conhecimento jurídico, coisa que poucos jornliastas têm, saberia que o processo pertence às partes, e não aos advogados.

    Vc, sem aptidão para tanto, procura, ESTRANHAMENTE, promover ou comprometer a atitude deste ou daquele profissional, sem entender os contornos que envolvem o processo, as provas produzidas nos autos, a estratégia adotada com o cliente etc.

    O advogado não tem compromisso com a vitória e sim o de defender o cliente, respeitados os limites éticos e legais.

    Limite-se a dar a informação e não procure ser mais realista que o rei.

    LAMENTÁVEL a sua atitude, que sempre beira ao SENSACIONALISMO.

    Espero que, ao contrário das minhas outras mensagens, vc autorize esta, ou será que tem medo de perceber que tem mais semelhanças com seus “inimigos” do que imagina?

    Paulinho: Não tenho compromisso com a OAB. Minha função é informar. Foi o que fiz.

  4. umlouco

    Paulinho,

    Discordo. Até porque se fosse assim, muitas das coisas que você denunciou no corinthians também não teriam nada a ver com os departamentos de futebol da gestão do xxxxx e sim apenas o jurídico.

    Pode ser que o Citadini seja muito melhor mesmo no quesito honestidade do que os atuais, mas usar dois pesos, duas medidas não é uma coisa legal.

    Esse Rogério não é aquele que tomou um baile do Robinho? Boa indicação do departamento de futebol.. rs

    Por isso que eu digo, para salvar o Corinthians mesmo, só renovando todos os conselheiros. E eu coloco o Citadini nesse bolo, que pra mim é mais do mesmo.

    Paulinho: Meu caro, a uma enorme diferença. Na época que o Citadini era diretor de futebol,acertava-se e errava-se,mas ele nunca recebeu comissão para negociar jogadores. Ao contrário de agora, em que as pessoas que lá estão sobrevivem deste dinheiro.

  5. MarcosLP

    E outra, defender tanto o Citadini assim acaba por revelar suas “fontes patrocinadoras”, ou não????

    Paulinho: Não,meu caro. É questão de justiça. Não me tome por você…

  6. Francisco Terra

    NO FUNDO DO MEU CORAÇÃO, TORÇO PARA QUE O PALMEIRAS RETIRE A AÇÃO CONTRA O S.C.C.P.
    ESTE CLUBE JÁ TEM PROBLEMAS DEMAIS COM A PRÓPRIA DIRETORIA.
    CREIO QUE O S.C.C.P. JÁ PODE CONTAR COM A BONDADE DE BELUZZO E A PIEDADE DA TORCIDA PALMEIRENSE.

    Meu amigo corinthiano. Sei que se voce lê este blog diariamente deve estar um tanto quanto indeciso. Deve estar receoso de usar a camisa do Tim
    Sei que voce já deve ter lido toda minha estória de conversão (prefácio e os 3 capítulos). Por isso preste atenção no que voce está se envolvendo… O S.C.C.P. não tem mais jeito, infelizmente… PORTANTO, VOCE AINDA TEM OPÇÃO.

    Sei que toda mudança traz insegurança.
    E se a indecisão ofusca a sua visão, eu te entendo.
    Mas te digo. Tenhas coragem de mudar. A coragem é um dos sentimentos mais bonitos que existem !!!
    Saia dessa condição que voce se meteu. A mídia entrou na sua mente e hoje voce não consegue sair deste “status quo”.
    Pare de se enganar.. Voce quer tudo, mas não tem nada. Está na sua frente e voce não poder tocar. É ilusão.

    Te dedico a minha canção favorita, que fala sobre ILUSÃO para que seja enfim, um palmeirense. Assista o vídeo e leia esta mensagem.

    http://www.youtube.com/watch?v=_AMS3XNK9CU

    Boa sorte !!!

  7. Eduardo França

    Com a AOB com certeza não pois necessita de diploma.

    Mas como “jornalista” você tem com a Ética e no meu modo de entender foi isso que disse o Ari.

    Paulinho:Onde feri a ética ?

  8. Tri-Mundial!!!

    Bobagem! São 2 clubes jurássicos, que estão voltando às origens. Ou seja, o clube da turiassú nasceu de uma dissidência do clube da marginal e foram os grandes rivais da capital bandeirante, tal qual ponte e bugre na cidade de Campinas.

    Mas com a meteórica ascenção do Maior do Brasil os, outrora rivais, resolveram unir forças para combater o inimigo comum.

    Como sãopaulino acho muito divertido ver palmeirenses torcendo para o corintians e vice-versa quando um destes 2 times enfrenta o Tri-Mundial.

    O tempo é o senhor da razão!

    Em tempo: mas é claro que nenhuma das duas torcidas vai admitir – e o parmerense vai dizer que o corintians continua sendo o grande rival e o SPFC é o “inimigo” que tentou “roubar” o pinga-mijo e blá, blá, blá.

    Sei, sei, sei…

  9. Claudio Maia

    Em algum momento da gestão Alberto Dualib e Nesi Curi , Tanto Andres Sanches, como Roque Citadini, participaram ativamente como dirigentes de alto escalão, e por muitos anos, quando ambos cairam fora, as desculpas foram parecidas, Citadini foi contra a entrada da MSI do clube ,tudo bem” e por isso saiu , más participou anos é anos com Ceo Alberto, era assim que citadini o chamava; saiu afirmando que não sabia das maracutaias do Ceo Alberto e passou o norrau para o Lula, no caso mensalão quando também afirmou que não sabia de nada, Andrés saiu da mesma forma pela tangente, com o agravante de ter apoiado a MSI,portanto ambos deveriam ter vergonha na cara e nunca mais participar da politica do clube, não tem santo nesta história.

  10. Ramón

    A dívida pode aumentar, como também pode diminuir ou até deixar de existir. Daqui a uns 5 anos a gente fica sabendo o resultado, caso os clubes não entrem em acordo antes disso.

  11. Waldomiro Peretta

    O PALMEIRAS DEVERIA MANDAR O JUMAR E O MARCÃO PARA O CURINTIANS…..E FAZER UM CONTRATO OBRIGANDO-OS JOGAR A LIBERTADORES INTEIRA……AÍ DEIXAVA ESSA DÍVIDA PRA LÁ….PORQUE DINHEIRO QUE É BOM……

  12. Ribamar Bianchini

    Paulinho, repito a você, numhum clube ou empresa é responsável por liminar de funcionário, ela (ele) não faz parte do processo, a liminar liberou Rogério a jogar onde ele achasse melhor, ela não especifica esse ou aquele clube, o Corinthians apenas contratou um jogador com seus direitos liberados pela justiça do trabalho, com certeza essa mesma liminar ele foi jogar no Benfica de Portugal, o Corinthians foi apenas o empregador e não tem nada haver com seu litígio com o ex clube que aliás devia muito dinheiro ao atleta, viu.
    Até eu dou conta desse processo tranquilo e livro o Corinthians dessa injustiça.

  13. Waldomiro Peretta

    PUTZ…..PARECE QUE VC NÃO CONHECE MUITO BEM A HISTÓRIA DO SEU TIME….OU NÃO LEMBRA DA PARTE DA FALÊNCIA E DA “VACA” QUE FIZEMOS PARA LEVANTAR VCS….

  14. Thiago

    A OAB precisar de diploma é um sinal claro que diploma não é nenhuma garantia de qualidade!

  15. PH TRICOLOR(SPFC)

    Estes dois times deveriam se fundir e criar o PALCURINTIAINS F C.
    Evitariam tanto vexame.

  16. Tricolor

    Essa história de jogo das barricas que vcs adoram citar é mais uma prova de que uma mentira contada muitas vezes pode se tornar “verdade”. Todo corinthiano e palmeirense adora falar isso, porque é conveniente pra vcs.
    Pequise melhor e saberá a verdade. Não fique falando coisas que vc já ouviu dizer de milhares de invejosos que tem por aí.

  17. Tricolor

    Pra não dizer que falo bobagem, saiba da verdade agora.

    1938 – Campeonato Paulista

    São Paulo 3 x 0 Corinthians
    São Paulo 6 x 0 Palestra Itália

    O SPFC era um time recém criado. E surpreendeu aplicando essas goleadas históricas nos 2 timinhos que já estavam estabelecidos há mais de 20 anos.

    No mês de julho, depois da Copa do Mundo, o SPFC resolveu promover um Festival, pois os times do futebol paulista ficaram parados durante a Copa.

    Os times da Portuguesa, do Corinthians e do Palestra Itália foram convidados para disputar um Triangular. À disputa foi dado o nome de Taça Henrique Mündel.

    Os festivais eram bastante comuns nessa época e a tradição era que o anfitrião não jogasse o torneio, cabendo-lhe o direito de ficar com os recursos arrecadados e entregar a taça ao vencedor, tudo em concordância com o acordo aprovado pelas equipes, até porque havia custos para a realização do festival (organização, divulgação, convites, coquetel, premiação etc.)

    O jogo de abertura foi Corinthians x Palestra Itália, num empate sem gols realizado no Parque Antarctica.

    O jogo final foi entre Corinthians x Portuguesa, com a vitória do Corinthians por 2 a 1.

    E então, o Corinthians ganhou a Taça Henrique Mündel.

    Assim, nunca houve donativos do Palestra Itália e do Corinthians para o SPFC.

    Isso não passa de uma lenda.

    Tanto o Corinthians quanto o Palestra Itália tinham seus festivais e suas taças.

    Em 1922, houve a Taça Cântara Portugália, do Palestra Itália, realizada no Parque Antarctica, para ajudar os órfaos daqueles que sucumbiram na 1º Guerra Mundial.

    Em 1941, o troféu Corinthians foi disputado com o SPFC.

    No mesmo ano houve o Troféu Duque de Caxias, cujos recursos deram origem ao monumento na região central de SP.

    Em 1942, por exemplo, a Taça Domingos Manoel Corrêa gerou fundos para a “Páscoa dos Esportistas”.

    Nenhum clube recebeu caridade para salvá-lo de eventual falência.

    Os festivais eram jogos amistosos e sempre valiam taças. Isso garantiu muitos títulos que foram muito bem-vindos numa época onde faltavam campeonatos de importância, principalmente nacionais e internacionais.

    Muitos dos “títulos” do Corinthians e do Palestra Itália referem-se a esses torneios amistosos.

  18. umlouco

    Então Paulinho,

    Não duvidei do ponto honestidade do Citadini. Apenas acho ele fraco mesmo como dirigente e conselheiro. Pensa bem, um conselheiro do Corinthians que se diz de oposição, gasta mais tempo criticando o São Paulo e o Morumbi. Não é estranho? E nem vou falar das contratações erradas, pois realmente acerta-se e erra-se, como nessa diretoria de agora, correto? De novo, não estou discutindo o ponto lisura das contratações mas a qualidade delas. Até porque, as da época do Citadini, ninguém investiga.

    Quando perguntado sobre as suas ações para investigar tudo o que acontece no Corinthians, ele nada responde. E não basta aquele discurso: “ele faz muita coisa”. Ninguém nunca me respondeu o que. Por isso, sem fatos concretos, eu não acredito no Citadini como oposição. Agora, se você tem informações das reais ações do Citadini para lutar contra isso, coloque-as aqui. Ficarei feliz em saber que nem tudo está perdido no conselho corinthiano.

    Claro que entre um que ganha com comissões e um que só sabe falar mal do SPFW, menos mal o segundo. Mas isso é muito pouco para um clube da grandeza do Corinthians.

  19. Fabio Queiroz

    Provavelmente você torcerá para o Corinthians vencer o Palmeiras daqui à algumas rodadas

  20. Fabio Queiroz

    Exatamente. Então que o Sporting pague o Corinthians também.

    A Gislayne Nunes foi uma que ganhou e muito com a lei Pelé.

  21. Ari

    A ética independente da profissão… um médico, por exemplo, não pode revelar o nome de seus pacientes… eu, na função de jornalista (e não sou), jamais revelaria os nomes dos pacientes de determinado médico, a não ser que tivesse RELEVÂNCIA para o caso “investigado”.

    O caso é idêntico… não visa a informação, sim apenas promover ou denegrir este ou aquele profissional. A citação dos nomes dos advogados é irrelevante para a matéria.

    Se houve erro, foi da instituição. Se ela se sentiu lesada por má orientação do advogado, que entre com a medida cabível junto ao ÓRGÃO COMPETENTE. Cabe a OAB, e não a vc, julgar o comportamento TÉCNICO desses profissionais.

    Paulinho, pergunte ao seu advogado se é correto citar o nome dele no seu BVlog nos processos em que vc é vitorioso (e vc sempre faz isso)? Vc tem a mesma atitude quando não tem sucesso na demanda?

    Que fique a REFLEXÃO.

  22. Matheus Bandeira

    Palmeiras ganhou o processo, 16 milhoes pro caixa do clube, blz, mas saber quando o corinthians vai pagar essa divida é outra novela!!!

  23. Joao Psiricon

    qdo Citadini administrava o clube ao lado de Dualib e Nesi, sera q ele nao sabia q NADA q acontecia por la?

    Se sabia e nada fez, é cumplice…

    Se nao viu, é incompetente por nao enxergar os roubos q aconteciam embaixo de seu nariz…..

    nao tem como defende-lo

  24. L. Esteves [S.E.P.]

    Hahahahaha
    Agora os são paulinos vão torcer contra o verdão, já que perderam pro galo hoje…

  25. Alan Carlos

    Esse Rogério é aquele da pedalada?

    Meu DEUS!!!!
    Se o Timão tiver que pagar essa grana toda, será muita incompetência.
    E o Palmeiras terá ganhado na megasena!

  26. Alan Carlos

    Essa é a sua versão. Existem outras.
    O jogo das barricas existiu. Pesquise melhor.
    A história do seu time não é das melhores.

  27. oficial de justiça

    Paulinho, você, como são paulino, não consegue esconder a alegria em dar essa notícia.

  28. Terencio Trindade

    Sua defesa em relação a Citadini é fraca. Sendo ele Diretor de Futebol na época o coloca como o responsável por qualquer negociação certa ou errada que o Corinthians fez.

  29. marcelo Dutra

    Esse, é um dos grandes negocios feitos, pelo “santo”, Antonio Roque Citadini, uma das piores coisas que ja passaram pelo Corinthians.

  30. Edimilson

    Caro Paulinho,

    E quanto ao caso do zagueiro David, que defende o Flamengo?

    Como está esta situação

  31. Ricardo Sarmento

    “De R$ 8,6 milhões a dívida do Corinthians passou para R$ 16 milhões, e pode aumentar ainda mais se o clube tentar novo recurso”.

    Não vai aumentar é nada, não vai dar em nada. A constituição brasileira oferece uma vasta gama de recursos e nenhuma rivalidade besta entre times de futebol vai influenciar numa decisão judicial.

    Dá pena ler uma notícia dessas, onde um gosto por um time de futebol se sobrepõe ao bom senso.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: