Advertisements

Vamos abrir as 5.000 páginas

Que o ex-árbitro José de Assis Aragão tem problemas com a honestidade eu não tenho dúvidas.

Foi afastado da administração do Pacaembu por suspeita de corrupção e má administração.

Seu processo administrativo rendeu 5.000 páginas e tanto o teor quanto sua conclusão nunca foram reveladas.

Por interferência de seu padrinho político, Aldo Rebelo, o caso foi abafado.

Ontem estive em uma produtora de cinema.

Conheci uma pessoa que prestou serviços ao Pacaembu na época de Aragão.

Disse que quando foi efetuar o pagamento, o ex-árbitro embolsou o dinheiro e lhe forneceu um recibo de uma construtora, que obviamente nada tem a ver com o estádio.

Este é apenas um dos inúmeros casos relatados de corrupção ligados a Aragão.

Que de maneira absurda permanece impune.

Seu processo é protegido por um absurdo sigilo administrativo.

O caso de Aragão envolve dinheiro público.

Que sejam abertas as 5.000 páginas.

E tudo será esclarecido.

Facebook Comments
Advertisements

6 comentários sobre “Vamos abrir as 5.000 páginas

  1. Divanio

    Concordo com a afirmação do Ricado! Meteu a mão grande no Guarani.Deixou de dar um penalti no João Paulo!

  2. euclydes zamperetti fiori

    Paulinho, quem sabe, esta construtora possivelemente pertença a ex-árbitro ou ha algum amigo de quem o indicou.
    Cartão Vermelho para estas pelantragens.

  3. L.C.

    Espero que não seja a produtora que “resolveu” fazer um filme sobre torcida independente.

    abs.

    LC

  4. Bugrino

    Até a final de 1986 eu acreditava no futebol.

    Quando o Sr. Aragão apitou o fim do jogo, terminou minha ilusão.

    Bandido, salafrário, ser humano sem caráter e dignidade. Vai pagar, nesta vida ou na outra, porque a justiça é Divina.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: