Advertisements
Blog do Paulinho

Atlético-PR cobra R$ 486 mil de rádios

REDAÇÃO
Da Máquina do Esporte, em São Paulo

http://maquinadoesporte.uol.com.br/v2/noticias.asp?id=8908

O Atlético Paranaense comunicou, nesta quinta-feira, que passará a cobrar a transmissão de seus jogos das emissoras de rádio. A medida passa a valer a partir do dia 10 de maio, quando tem início o Campeonato Brasileiro de 2008.

Pela emissão de uma partida, o clube fixou o valor de R$ 15 mil. Já o pacote com os 38 jogos do time no torneio nacional desta temporada sai por R$ 456 mil.

As competições que estão em andamento continuarão a ser transmitidas normalmente pelas emissoras de rádio sem qualquer custo. No Campeonato Paranaense, a nova regra entrará em vigor apenas na próxima edição.

A direção clube da capital do Paraná ainda não definiu a tabela de preços para a temporada de 2009, que inclui, além do Brasileiro, o torneio estadual e a Copa do Brasil.

Em nota publicada em seu site oficial, o Atlético explica que a cobrança pela cessão dos direitos radiofônicos se aplica apenas à transmissão integral dos jogos. Flagrantes do evento não estarão sujeitos às taxas, “em respeito ao direito de acesso à informação e liberdade de imprensa”.

O clube informou ainda que a formalização dos contratos e o credenciamento para o Brasileiro-08 serão realizados até o dia 22 de abril.

Ouça abaixo o comentário de Juca Kfouri e Vitor Birner sobre o assunto, no CBN E.C.

 

Facebook Comments
Advertisements

21 comentários sobre “Atlético-PR cobra R$ 486 mil de rádios

  1. Nicolau de Cerqueira Cesar

    O Atletico , tão decantado pelos jornalistas como exemplo , fez muito bem.Estas radios ganham rios de dinheiro,principalmente fazendo propagandas de bebidas alcoolicas como cerveja(todas) ou cachaça(Flavio Prado) mesmo transmitindo esporte.~Tem comentarista que nem no estadio vai,utilizando a Tv.E qualquer leigo sabe que o futebol no campo é diferente,pois voce analisa com muito mais profundidade.Tem radio que coloca até repórter de campo dentro do estúdio.São hipócritas.

  2. Caio

    Está muito certo o Atlético.
    As rádios transmitem os jogos, vendem cotas de patrocínio e não repassam nada aos clubes.
    Isso sem contar algumas campanhas que elas fazem campanhas para afastar o público do estádio.
    Querem lucrar com o futebol sem colocar a mão no bolso, aí é fácil.

  3. Pingback: Futbol Argentino Mexicano y espanol » Atlético-PR cobra R$ 486 mil de rádios

  4. João Ricardo

    Paulinho, coloca um comentário seu no blog sobre essa atitude do Atlético Paranaense… Estou muito curioso para ouvir a repercussão

  5. Carlos China

    Paulinho,
    A cobrança para transmissão radiofônica têm de acontecer nos clubes de SP onde a audiência , e o custo para inserção publicitária é muito maior.
    Basta tomar conhecimento das tabelas de preço exercidas pôr algumas rádios no produto futebol, para justificar a cobrança!
    Aliás quando êsse produto é jocosamente diminuído os clubes devem cobrar mais. O “paulistinha” do Birner tiraria a CBN do futebol!

  6. sergio lima

    Flavio, alias, ja comeram gratis por muito tempo, a jovem pan de Sao Paulo se fez as custas do futebol. E vc ficou em cima do muro, ne, Paulinho’? Alias, ce ja reparou que as denuncias que vc faz nao sao levadas a serio pela justica ou por ninguem? Tudo o q vc escreve aqui, apesar da gravidade, e’ como se nao existisse, as pessoas fingem que nao e’ com elas. E os seu amigos poderosos da imprensa? O Brasil tem muuuuuito o que crescer ainda antes de querer fazer parte do grupo dos oito. Sem justica nao se faz um pais, pode-se ter a maior reserva de alcool do mundo que nao adianta. Se o brasil quiser ser grande, primeiro, tem que reformar totalmente este sistema judiciario podre e corrupto.

  7. geraldo c araujo

    Só mesmo um jornalista com o grau de independência de Juca Kfuri para ter a ousadia de defender, no microfone de uma rádio, posição potencialmente contrária aos interesses da emissora; e só mesmo uma rádio que mantém o padrão jornalístico da CBN para garantir a um colaborador o direito de assim se expressar. Estão todos de parabéns, jornalista, emissora e também o Atlético Paranaense, este por mais uma vez tomar medida pioneira pela garantia de sua sobrevivência, indo buscar com criatividade os recursos que lhe faltam, sem esperar pela benemerência nem sempre bem-intencionada das entidades e autoridades.

  8. Douglas Chiavegati

    Eu só tenho uma dúvida…

    cansei de ouvir nas radios comentaristas falarem que o jogo esta horrivel, que o campeonato nao vale nada, e blablabla….

    Comentarios que nao se ve na TV, justamente para nao denegrir um produto que a mesma comprou…

    E se a moda pega? Vamos parar de ouvir nas transmissoes do radio que o paulista nao serve pra nada?…Os comentaristas vao ter que se adaptar e contrar um pouco mais o que falam?

    Abracos

  9. Ferdinando

    Paulinho, tu pode confirmar se o Atlético pode realmente fazer isso? Eu tinha a impressão de que o contrato da Globo incluía direitos televisivos e radiofônicos, estou enganado? Se for verdade eles estão tentando vender um produto que não é deles.

  10. André Nogueira

    “Daqui 10, 20, 30 anos a torcida do Coritiba vai ser 10 vezes maior que a torcida do Atlético Paranaense” – Vitor Birner.

    O Birner está disputando com o Andres Sanches quem fala mais bobagem?

    Nem vou entrar no mérito da audiência e alcance da transmissão radiofônica.

    Sei que programa ao vivo sempre tem algumas frases e opiniões mal colocadas.

    Dou o desconto por isso.

  11. geraldo c araujo

    Ferdinando, quem é sócio do PFC pode verificar que no pacote “estaduais” do pay-per-view não estão incluídos jogos do Atlético Paranaense. Portanto, se nem a imagem do Furacão está incluida no PFC, que dirá a radiofonia…

  12. Lord Vader

    não gosto do Atletico PR, mas eles estão de parabens por essa atitude.

    as radios cobram cotas de patrocinio, e para quem não sabe, na copa do mundo as radios TEM QUE PAGAR para poderem transmitir os jogos.

    tomara que os clubes paulistas façam o mesmo.

    alias tem comentarista de radio, que nem no estadio vai, maior absurdo na ha, comentar via “tubo” e ainda receber por isso chega a ser RIDICULO, que triste que uma emissora tão consagrada tenha uma pessoa assim na sua equipe, fica no estudio se baseando por numeros de estatistica e não ve o futebol “in loco”, e pior essa pessoa ataca jogadores moralmente simplesmente por não gostar pessoalmente destes jogadores, em vez de ser pelo menos profissional e analisar o que ocorre no campo, fica com picuinha, com apelidos pejorativos com alguns jogadores..

    deve ser pq estes jogadores se recusam a ir ao PIFIO programa de tv que ele apresenta..

    quero uma imprensa isenta.

    abraço

  13. Mello jr

    Caros ,
    Se por um lado não existe transmissão a custo zero porque se eu quero veicular a minha marca nos eventos esportivos as rádios vendem patrocinios os apresentadores ” merchan ” por outro lado quem fornece a matéria prima disso tudo não recebe nada..não faz nenhum sentido !
    Parabéns ao Atlético e espero que todos os clubes sigam o exemplo.

  14. Ferdinando

    Geraldo Araujo, obrigado pela informação. Interessante saber isso.
    O que me parece é que esse valor é para as emissoras não pagarem, e eles criarem uma emissora oficial para transmitir os jogos do Atlético. Se for essa a idéia, ela tem um “pequeno” problema: nesse jogo jogam dois, os rivais vão exigir uma cota enorme para permitir que a transmissão dos clássicos pela rádio oficial do clube.

  15. Marcelo

    Nada mais justo, afinal de contas as rádios cobram cotas de patrocínio, e o retorno deve ser bom, pois só na capital de São Paulo, 10 rádios transmitem os jogos.

  16. João Dias

    Tudo indo tão bem com o Juca, aí entra o idiota do Birner e vem com a seguinte pérola: “daqui a 30 anos a torcida do coritiba vai ser maior só pq a do atletico cobra pela transmissão”.

    Esse Vitor Birner é um desmiolado. Desde que ele teve aquele devaneio de que a torcida do São Paulo ia ultrapassar a do Corinthians em 10 anos, mostrando suas fórmulas matemáticas passionais, tudo que um clube faz de negativo irá influenciar o crescimento das outras torcidas rivais.

    Tenho pena do Juca Kfouri. Ele merecia um colega mais qualificado.

    De resto, o Atlético tá certo. As rádios transmitem os jogos pra ganhar dinheiro com cotas de publicidade. Ninguém ali está fazendo trabalho voluntário ou serviço social.

    Abraços!!

  17. Marcelo Deodato

    Juca Kfouri foi perfeito como quase sempre…!! Que todos os clubes sigam o exemplo e que as radios que nao paguem, nao transmitam….

  18. DEDE

    BOA ESSE E MEU FURACÃO TEM Q COBRA MESMO E SA NÃO QUISEREM PAGA O ATLETICO COM CERTEZA VAI CRIA UMA RADIO PRA ELE POR Q JA TRANSMITE JOGOS AOVIVO ONLAINE AE SERA ELE Q LUCRARA COM PATROCINIOS E UMA IDEIA INTELIGENTICIMA E OUTRA TENHO CERTEZA Q VEM MAIS CLUBE NESTE BLOCO E SO ESPERA PRA VE KKKKKKKKKK

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: