Advertisements

Cruzeiro e a ‘turma da maconha’

Além de todos os problemas policiais com os quais o Cruzeiro precisa se preocupar, ocasionadores da atual situação esportiva do clube, principalmente por conta dos evidentes rolos em contratações de jogadores, existe outro fator complicador, até então discutido apenas internamente, atrapalhando a busca por resultados.

A afamada ‘turma da maconha’, composta de jovens atletas e alguns veteranos tem incomodado parte do elenco que não aprova a atitude.

Em conversa com o blog, conselheiro cruzeirense, próximo de jogadores, desabafou:

“Todo mundo sabe que a droga rola solta no esporte, mas existe um esquema para disfarça-la nos exames antidopagem”

“Fala-se muito nos ‘bêbados’ que jogam no Cruzeiro, mas existe coisa mais grave’

“No caso dos jogadores ‘maconheiros’, a gente entende que não se beneficiam do uso da droga, mas estão atrapalhando o próprio rendimento, além de incomodarem o restante do elenco, que se mata para reverter a situação”

“Os jogadores não se importam que eles usem, mas que não o façam no dia do jogo, e depois se arrastem, dispersivos, no gramado’.

“Quem são ? Paulinho… todo mundo sabe…. (disse os nomes), mas como comprovar ? Só pegando no flagrante ou em algum tipo de exame…”

Diante desse quadro, tanto diretivo, ligado a falcatruas diversas, como de comportamento dos atletas, principalmente se comprovados os relatos descritos, evidencia-se, ainda mais, a falta de comando do departamento de futebol, bem mais preocupado com negócios do que em preservar bom ambiente para a prática esportiva.

Vale lembrar que agora Zezé Perrela comandará o setor, podendo, por razões conhecidas, agravar ainda mais os problemas cruzeirenses.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: