Corinthians supera Palmeiras e a arbitragem em Itaquera

corinthians-e-palmeiras

De maneira heroica, com um homem a menos durante toda a segunda etapa, o Corinthians, com gol de Jô, venceu o Palmeiras, que foi muito beneficiado pela arbitragem, por um a zero, no estádio de Itaquera.

Um vexame palestrino no primeiro jogo do ano deste Derby que comemora o centenário.

Na primeira etapa o que se viu foram duas equipes disputando cada palmo do gramado com a vontade esperada num grande clássico, porém, em contrapartida, com enorme pobreza técnica e individual.

O Corinthians atacou mais, mas pouco produziu, efetivamente.

Pelo Palmeiras, Felipe Mello levou cartão amarelo aos cinco minutos e cabeceou o próprio companheiro, logo depois, sendo obrigado, devido ao sangramento, a atuar o restante do embate com touca de natação.

Futebol que é bom, como de costume, não apresentou.

A jogada mais clara de gol foi uma bola no travessão de Cássio, em batida perigosa de Keno.

Eis que, aos 45 minutos, a arbitragem, numa enorme lambança, expulsou Gabriel do Corinthians, que sequer estava na jogada, pagando a conta de uma falta cometida por Maycon.

Pior: avisado por todo o estádio, o soprador de apito não teve a humildade de voltar atrás, agravando ainda mais o equívoco.

Esperava-se uma segunda etapa em que o Palmeiras sufocaria o Timão, mas o que se viu foi um jogo ainda pior, apesar de ainda brigado, mas disputado em nível de absoluta mediocridade.

Mesmo com elenco milionário, o Verdão permanecia no campo de ataque, mas executava jogadas sem a mínima criatividade.

Ao Corinthians restava se defender e encontrar um gol no contragolpe.

E ele veio, aos 41 minutos, quando a bola foi chutada de qualquer jeito para frente, a zaga palmeirense falhou duas vezes e Jô, que havia acabado de entrar, sozinho, empurrou para o fundo das redes de Fernando Prass.

Deu tempo ainda para, três minutos depois, Vitor Hugo dar cotovelada cafajeste em Pablo, e sequer ser advertido pelo árbitro da partida.

Uma vergonha!

No fim, o Corinthians, facilitado pela inoperância palestrina dentro do gramado, que esperava empatar, saiu com três importantes pontos, praticamente garantindo-se na fase seguinte do Paulistinha.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.