Advertisements
Anúncios

Associado do Corinthians pedirá afastamento de vice-presidente até apuração da Operação Lava-Jato

andre-negao-lava-jato-2

Recentemente, o vice-presidente do Corinthians, André Luis de Oliveira, vulgo André Negão, foi detido pela Operação Lava-Jato, da Polícia Federal, acusado de receber R$ 500 mil em propina da Odebrecht, construtora do estádio em Itaquera.

A PF trabalha com a hipótese de que o dirigente seria, na verdade, preposto do provável destinatário final do dinheiro, o deputado federal Andres Sanches (PT), responsável por todos os negócios da Arena, alguns deles em “parceria” com o ex-presidente Lula, que também é investigado.

Notícias de última hora dão conta de que Marcelo Odebrecht acordou uma “delação premiada” que colocaria todos os envolvidos nas obras do estádio em situação bem difícil.

Em breve, saberemos.

Para evitar transtornos maiores ao clube, o associado Roberto Willian, o “Libanês”, ex-diretor de esportes aquáticos, com apoio de torcedores (inclusive os “organizados”) protocolará, nos próximos dias, pedido formal à diretoria alvinegra pelo afastamento imediato do vice-presidente Andre Negão, até que seja divulgado relatório da “Lava-Jato” sobre as investigações das condutas do dirigente.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: