Roberto Braatz teria tratado Palmeiras como “time de merda”

Não foi apenas pelos erros cometidos na partida contra o Cruzeiro que o auxiliar Roberto Braatz causou revolta no Palmeiras.

Jogadores do clube garantem que durante o bate-boca, ainda dentro do gramado, o bandeirinha teria dito: “Tira esse time de merda daqui !”.

Razão pela qual, indignados, exigiram que a diretoria do clube enviasse reclamação formal a CBF, relatando o ocorrido.

Os dirigentes prometeram aos atletas que o farão.

Para piorar um pouco a situação, Braatz foi escalado para atuar na primeira partida entre Palmeiras e Botafogo, já na próxima quarta-feira.

Não poderia ser numa hora pior.

Tomara o bom senso prevaleça antes, durante e depois da partida, evitando assim que novos problemas sejam ocasionados.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.