Acusado por ‘fake-news’, chefe das Redes Sociais do Corinthians se cala na CPI dos Aplicativos

Por indicação de Edgard Soares, conselheiro do Corinthians que recebeu milhões de reais para produzir e espalhar ‘fake-news’ em defesa do governo Bolsonaro, ainda na gestão Andres Sanches, o Corinthians contratou a empresa ‘Social QI’, que, desde então, tornou-se responsável pelo monitoramento de tudo o que se fala sobre o … Continue lendo Acusado por ‘fake-news’, chefe das Redes Sociais do Corinthians se cala na CPI dos Aplicativos