Advertisements
Anúncios

Conselheiros do Palmeiras acertam ao pedir investigação policial sobre acordo com a Crefisa

Fez muito bem a oposição do Palmeiras em solicitar auxilio à polícia para que possam ser investigados, minuciosamente, o termos, tratativas e motivações que levaram o clube a fechar acordo com a Crefisa.

É nítido que o presidente alviverde, Maurício Galliote, além do presidente do Conselho, Seraphim Del Grande – ambos investigados, parecem trabalhar mais pelos interesses da empresa do que em defesa da agremiação.

A manobra, flagrantemente irregular, para inserir madame Leila Pereira, esposa do dono da Crefisa – e também ele, no conselho, foi dos atos mais vergonhosos da história palestrina.

Assim como são suspeitas as assinaturas acusadas como retroativas no acordo e a ocultação de que, em vez de “doar” dinheiro para contratação de jogadores – como era discursado publicamente – a Crefisa emprestava ao Verdão (por força de ajuste obrigado pela Receita Federal).

São mais de R$ 150 milhões a juros de mercado.

Num clube como o Palmeiras, que abriga grupos com interesse diversos, transparência nunca é demais.

Portanto, a checagem de documentos e versões, em vez de deletéria, como pregam os que gostam de negociar às sombras, servirá para fortalecer àqueles que, de fato, estiverem agindo por caminhos corretos.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: