Advertisements
Anúncios

Andres Sanches assinou acordo na CBF com o “rabo no meio das pernas”

Há pouco mais de um mês, o presidente do Corinthians, Andres Sanches, saiu de uma reunião com os clubes que disputam o Campeonato Brasileiro com ar de “todo poderoso”, dizendo:

“Nós não assinamos ! Nossa marca é poderosa, podemos conseguir coisa melhor”

Sanches, ao lado dos presidentes de Flamengo e Atlético/PR, havia recusado o acordo, assinado por todos os outros clubes da Série A, de vender os direitos internacionais do Campeonato Brasileiro à empresa BR Foot, que pagará, ainda, comissão à CBF.

Trinta e sete dias depois, com o fracasso do departamento de marketing alvinegro, comandado pelo primeiro ministro Luis Paulo Rosenberg, de conseguir fechar negócio em condições melhores, Sanches teve que colocar o rabo nos meio das pernas, engolir a prepotência e assinar o que antes havia recusado, nos mesmos termos e condições anteriores.

Atlético/PR e Flamengo, segue, até o momento, sem assinar.

R$ 5,5 milhões anuais, correspondentes a R$ 458,3 mil mensais (menos que o salário de Emerson Sheik, em exemplo), os mesmos que receberão as outras equipes, inclusive as que, para o mercado, possuem menor importância.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: