Marina Silva e o presidente do Flamengo

Resultado de imagem para marina silva eduardo bandeira

A candidata a presidência da República, Marina Silva, tem batalhado nos bastidores para fugir de composições e inscrever sua chapa com o nome do presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, como vice.

Trata-se de ação absolutamente destoante de seu discurso, simular à recente figuração de seu nome como candidata à vice de Aécio Neves.

Se aspiração do tucano virou pó em meio às acusações da “lava-jato”, Marina segue firme na política, amparada no discurso de que, apesar do apoio, não sabia das práticas do ex-governador mineiro, nem fazia parte, de fato, de seu grupo natural de pessoas e seguidores.

Desta vez, porém, não haverá desculpas para a desinformação, diante de farto material disponível na internet que revela facetas suspeitas do dirigente flamenguista, que vão desde sua participação em cargo graúdo no BNDES, no período em que o órgão facilitava a vida dos governantes do PT, passam pela aceitação de cargo como chefe de delegação da Seleção Brasileira, após, antes, ter tratado o presidente da CBF pelas mais variadas e desairosas insinuações, finalizando com a indicação, no Flamengo, de dirigentes investigados na “Operação Calicute”, desdobramento da “Lava-Jato”, um deles, condenado a 22 anos de prisão.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Esta entrada foi publicada em Sem-categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.