Dinheiro dos clubes banca farra de 13 cartolas da FPF na Copa do Mundo

Reinaldo Carneiro Bastos, presidente da FPF

Brigado com a CBF, o presidente da Federação Paulista de Futebol contou, como se fosse grande gesto de altruísmo, sua negativa em aceitar convite da Casa Bandida para assistir, às custas desta, a Copa do Mundo da Rússia.

Disse, todo pomposo: “vou bancar minha viagem e a de mais 13 membros da FPF com dinheiro da Federação… serão 14 dias… depois quem quiser ficar vai arcar com as despesas… a FPF pagará apenas a diária de uma pessoa até a final do Mundial”.

Alguém tem palpite de quem será o “premiado” ?

O dinheiro da FPF é fruto quase de achaque praticado contra os clubes, que são obrigados a destinarem, no mínimo, 5% de suas arrecadações para bancar as benesses da entidade, espécie de “cartório” da CBF.

Com relação à negativa de Carneiro Bastos, ela somente surgiu após tentativa má-sucedida de reaproximação com a entidade, depois de tentar derrubar o candidato de Del Nero, nas últimas eleições, e fracassar.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.