Advertisements

Sistema de comunicação de Andres Sanches trabalha para tirar Carille do Corinthians

Ontem, durante todo o dia, o assunto mais falado nos bastidores do futebol brasileiro foi a possibilidade do treinador Fabio Carille trocar o Corinthians pelo Al-Hilal, que teria lhe oferecido, entre outras coisas, R$ 1 milhão mensais, livres de impostos.

Meses atrás, ao receber, doutro clube, proposta semelhante, Carille recusou e declarou que não sairia do Timão “nem por um caminhão de dinheiro”.

O que mudou ?

Vamos contextualizar: à época das primeiras propostas, e do “fico” do treinador, o presidente do Corinthians era Roberto Andrade, que, diferentemente do atual mandatário (apesar de ambos pertencerem ao mesmo grupo), mantinha-se em harmonia com o departamento de futebol (a parte gerencial).

Carille e Alessandro, por resultados obtidos dentro de campo, estavam prestigiados, apesar de, desde sempre, a influência de Andres Sanches para derrubá-los pairasse no ar, porém minimizada exatamente pelo desempenho profissional da dupla citada, então campeões paulistas e em campanha extraordinária no Brasileirão, confirmada com a conquista do título, em dezembro de 2017.

Ainda assim, por submissão, Andrade permitiu que o deputado inserisse na comissão técnica um de seus homens de confiança, o ex-treinador da base Osmar Loss, a quem deixou alerta para a possibilidade de assumir o cargo principal ao primeiro escorregão do treinador.

Para azar de Sanches, não aconteceu.

Loss nunca se incomodou com as “manobras’ da turma de Sanches na base, participou de algumas e está pronto, se um dia vier a assumir a equipe profissional, a ser engrenagem submissa ao motor principal.

Passaram-se então alguns meses desde a famosa declaração de Carille (a do “fico”) até que, em fevereiro de 2018, Andres Sanches venceu as eleições do Corinthians, inseriu o “Bingueiro” e sócio Duílio na diretoria de futebol e a paz no departamento acabou.

Sem ter como demiti-lo, por conta, mais uma vez, da competência do treinador (novamente campeão paulista), o grupo de Sanches passou a miná-lo com o que sabe fazer de melhor: as negociatas.

Diversos jogadores foram contratados sem o aval de Carille, que, em contraponto, passou a não escalá-los – com exceção, por desempenho técnico satisfatório, do garoto Mateus Vital, cria do agente Carlos Leite.

Novamente o clima de ‘guerra-fria” entre os dois grupos, o que trabalha com profissionalismo no Corinthians, formado por Carille e Alessandro, e os que querem se dar bem através do clube, composto por Andres Sanches e Duílio “do Bingo”, ampliou-se.

É por este motivo, sabedor do desprestígio interno, e de que na primeira sequência de resultados ruins será demitido do Timão, que Fábio Carille repensou sua vida e, em formalizada, de fato, a proposta da equipe árabe, sairá, como vencedor, do Parque São Jorge.

Para apressar que isso ocorra, ontem, o sistema de comunicação de Andres Sanches, capitaneado pelo agente de jogadores Oliverio Junior, foi acionado, trabalhando, duramente, para indispor o profissional com o torcedor, tentando colar-lhe as alcunhas de “mercenário” e “mentiroso”.

As frases ditas por Carille, meses atrás, foram retomadas e viralizadas, Osmar Loss foi inserido como opção à troca de comando, e, dentro da grande mídia, o repórter (agora comentarista) da FOX, notório assalariado ligado ao alvinegro, colocou na discussão boatos (criados pelo próprio) de que o treinador estaria, em verdade, pressionando para conseguir aumento de salários.

A ducha fria chegou ainda ontem, com o Corinthians vencendo o Deportivo Lara, fora de casa, por expressivos sete a dois, permitindo a um confiante Carille brincar sobre a repercussão do episódio, em entrevista coletiva, dizendo: “por um (caminhão de dinheiro) eu não saio, mas dois…”.

Advertisements

Facebook Comments

3 Responses to “Sistema de comunicação de Andres Sanches trabalha para tirar Carille do Corinthians”

  1. Alex Mahone Says:

    Quem é o comentarista da fox?

  2. Bruno Tomasette Says:

    conversinha!! essa materia!

  3. João Raphael Braga Oliveira Says:

    Acho que ele se refere ao Leandro Quesada, não?

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: