Advertisements

Palmeiras é processado, novamente, por braço de “off-shore” utilizada na contratação de Dudu

Em abril de 2016, o Palmeiras foi processado pela Mamabru Participações Ltda, que cobrava R$ 700 mil á título de comissão da transferência do atacante Dudu.

Os donos da empresa são os empresários Marcelo Robalinho, Marcelo Goldfarb e Bruno Paiva (filho do falecido comentarista Mario Sérgio, da FOX).

A Mamabru foi citada na investigação denominada “Panama Papers”, como preposta de uma offshore panamenha Bardwil Group Inc., acusada de lavagem de dinheiro em investigações internacionais.

https://offshoreleaks.icij.org/nodes/11001803

 

mamabru

No último dia 26, a Mamabru ingressou com outra ação de cobrança contra o clube, desta vez de R$ 30,8 mil, referente à atraso de pagamento em acordo ligado ao primeiro problema.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: