Advertisements
Anúncios

A vergonhosa utilização do Corinthians na política

Andre Negão, Junior Orosco, Andres Sanches e Luiz Moura

Sem precisar mais se candidatar por conta da perda do foro privilegiado, decretada pelo STF, o deputado federal Andres Sanches já escolheu “seus representantes” para as próxima eleições, e estes não poderiam ser mais alinhados com seus procedimentos.

Para o parlamento federal, Junior Orosco, que, entre outras coisas, teria agredido a esposa, deputada cassada Vanessa Damo, que registrou Boletim de Ocorrência sobre o caso, acusando-o, também, de tortura psicológica.

No âmbito estadual, a escolha é conhecida: Luiz Moura, expulso do PT (uma proeza!) sob acusação de integrar o time do PCC.

Se as escolhas pessoais de Andres Sanches para a política, apesar de reveladoras de seu perfil, são de foro íntimo, a utilização do Corinthians para elegê-los, mesmo ocupando a cadeira de presidente, não.

Assim como o próprio gabinete parlamentar, em São Paulo, que há mais de um ano virou escritório de Luiz Moura com direito a despesas e funcionários bancados com dinheiro público.

Voltando à questão do clube, Andres Sanches e seu braço direito, André Negão, aparecem em vídeo de apoio a Osório, com a presença de Moura, em que gritos de guerra da torcida corinthiana são ouvidos ao fundo e dizeres ligando-os ao Timão aparecem na tela.

Triste utilização política do alvinegro, sem oposição da maioria dos conselheiros (os encabrestados), vinculando a marca, já tão rejeitada no mercado por conta de delações contra seus dirigentes na “Lava-Jato”, a promissores malfeitores.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: