Advertisements

Ridicularizada, garota retira, na Justiça, “Corinthians” que pai embriagado inseriu em seu sobrenome

bebado

Em recente ação, a Justiça de São Paulo autorizou a garota, que antes assinava Amanda Corinthians Ribeiro Araújo de Oliveira, a retirar de seu sobrenome o termo que ligava-a ao clube de Parque São Jorge.

A mãe, Sra. Irineia Ribeiro, expôs ao juíz que a autoria da proeza teve origem num ato de embriagues do pai da menina.

O “gênio”, após tomar umas e outras, aproveitando-se que ambas estavam no hospital, dirigiu-se ao Cartório e registrou a lambança.

Anos depois, o constrangimento, óbvio, acentuou-se não apenas pelas gozações em período escolar, mas pelo fato da menina torcer para outro clube grande da capital, segundo fontes, com três cores na camisa.

Abaixo, trecho da Sentença:

“AMANDA CORINTHIANS RIBEIRO ARAÚJO DE OLIVEIRA, devidamente representada por sua mãe, ajuizou Ação de Retificação de Registro Civil, alegando, em síntese, que por ocasião de seu nascimento sua mãe estava hospitalizada, oportunidade em que seu pai, totalmente embriagado, dirigiu-se ao cartório e a registrou como o nome de Amanda Corinthians.”

“Agora, na fase inicial escolar está enfrentando problemas como o nome, sendo exposta ao ridículo, inúmeros constrangimentos, situações de desconforto moral e psicológico, além de sofrer com as piadas e chacotas.”

“Aduziu que sua mãe está ressentida com a situação, pois sua vontade foi completamente contrariada pelo pai, que a registrou com prenome esdrúxulo, principalmente se tratando de menina. Requereu a procedência do pedido para que seja excluído o prenome Corinthians, passando a constar no registro seu nome como Amanda Ribeiro Araújo de Oliveira”

“O Ministério Público se manifestou favoravelmente ao pedido”

“Com efeito, o presente caso dispensa maiores considerações por ser perfeitamente crível a situação vexatória a que está exposta a criança, em decorrência da alegada embriaguez de seu pai quando a registrou.”

“Ante o exposto, JULGO PROCEDENTE o pedido inicial e o faço para determinar a alteração do nome da autora, que está registrado no Assento de Nascimento Nº33193, às fls.177, do Livro A-0094, do Cartório de Registro Civil das Pessoas Naturais de Piedade, para constar que seu nome passou a ser AMANDA RIBEIRO ARAÚJO DE OLIVEIRA, conforme requerido.Transitada esta em julgado expeçase mandado de averbação, deferidos os benefícios da justiça gratuita.”

Advertisements

Facebook Comments

One Response to “Ridicularizada, garota retira, na Justiça, “Corinthians” que pai embriagado inseriu em seu sobrenome”

  1. Alessandro H.R. Says:

    “situações de desconforto moral e psicológico, além de sofrer com as piadas e chacotas.”

    “que a registrou com prenome esdrúxulo”

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk..

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: