Advertisements
Anúncios

Santos consegue suspender execução que obrigava clube a pagar, imediatamente, R$ 1,3 milhão a Muricy Ramalho

muricy

O Santos conseguiu, em agravo de instrumento, suspender, até o julgamento do mérito, decisão liminar que obrigava o clube a pagar, imediatamente, R$ 1,3 milhão devidos ao treinador Muricy Ramalho.

A alegação, acolhida pelo judiciário, foi:

“(…) ameaça de dano irreparável com o prosseguimento da execução, que já se encontra garantida por bem imóvel, de valor superior ao débito executado, e que a penhora de ativos ameaça o pagamento de outros compromissos assumidos.”

Em contrapartida, Muricy ingressou com recurso para obstar os bens penhorados.

Se obtiver êxito, o efeito suspensivo deve ser revisto, voltando, então, o clube a ter obrigação de quitar os valores mencionados.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: