Advertisements

Sobre o encontro entre Andres Sanches e Kia Joorabchian

O fato mais alarmante do encontro entre Andres Sanches e Kia Joorabchian, nos bastidores da partida entre Brasil e Dinamarca, nem foi a cara de pau da dupla em dizer que tudo foi uma “casualidade”, mas o deboche escancarado com o Corinthians.

Se a imprensa bobeou em não fotografar o abraço simbólico dos amigos, noticiou, ao menos, a intenção do iraniano de “oficializar” sua ingerência no clube.

Sim, porque até as árvores do Parque São Jorge sabem que, além de financiar as campanhas de Andres às eleições alvinegras, Kia nunca deixou de dar as cartas, seja no direcionamento administrativo, como também nas transações de jogadores.

Utilizando-se para isso de diversos “auxiliares”, desde o empresário do treinador da Seleção, até um conhecido jornalista, daqueles que envergonha a profissão, conhecido pelo blackpower grisalho.

Pois é.

Tomara o presidente da CBF, José Maria Marin, tenha percebido, nas entrelinhas, que os mesmos agentes de Joorabchian, o empresário Carlos Leite e o ex-presidente do Corinthians, além do treinador, continuam atuantes, porém, agora na CBF.

E que o atual mandatário alvinegro, o delegado Mario Gobbi, honre as caças que veste e não permita que alguém acusado pelo MPF de ser testa de ferro de um oligarca ligado à Máfia Russa volte a frequentar o ambiente que ultrajou, nem que Andres Sanches se posicione, publicamente, como se fora ele ainda o presidente do Corinthians.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: