Advertisements
Anúncios

Com a cabeça na Libertadores

 O São Paulo jogou para o gasto.

O Mirassol até deu trabalho, mas de prático pouco realizou.

No final da primeira etapa Jorge Wagner, contando com a colaboração do goleiro, abriu o placar.

Em ritmo de treino o tricolor ampliou logo no inicio da segunda etapa.

Placar que foi empurrando com a barriga até quase o final, quando o Mirassol diminuiu o marcador.

Com a cabeça na Libertadores, o tricolor vai chegando.

E se chegar…

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

8 comentários em “Com a cabeça na Libertadores”

  1. O São Paulo deve ser o único “grande” que passará para a semifinal do Paulista mesmo.
    Confesso que o time não tá lá essas coisas mas entre os grandes de São Paulo é o que está mais consistente.
    Acredito que o São Paulo tem plenas condições de ganhar o título paulista e também o da Libertadores.
    Time e técnico para isso o São Paulo tem.

    Paulinho: Eu acho que o São Paulo chega e talvez Corinthians ou Palmeiras

  2. gostei do primeiro jogo na libertadores,a primeira boa exibição do clube no ano,precisa manter o nível na competição na américa.

    Paulinho: Jogou melhor que no Paulista

  3. Não acho que o SPFC seja lá um time que possa meter medo nos adversários, não vem jogando bem em nenhum torneio.

    Mas enfim.

    Vamos aguardar.

    Eu torcerei bastante.

    Paulinho: Tenho certeza que torcerá

  4. O problema do São Paulo é que o futebol não empolga.
    Dos últimos 6 ou 7 gols, cinco foram de bola parada.
    Assisti o primeiro tempo hoje e deu até sono.
    Tem muita gente que culpa o Muricy.
    Mas em 13 jogos neste ano, ele nunca conseguiu repetir a formação no jogo seguinte.
    Acho que desta vez o planejamento deu errado. Não é porque se tem planejamento significa que ele dá certo. O problema é que as contratações não vingaram. Tem 70 milhões no cofre e só quer trazer jogador de graça.
    Tá difícil.

    Paulinho: Realmente não foram felizes como no ano passado

  5. Fácil vencer o Mirassol, time bom e que não tem medo, vai para cima mesmo. Duro é vencer timinhos que não saem da retranca. Parece que o Palmeiras conseguiu furar uma hoje.

    Paulinho: é bem por ai

  6. e se chegar continuara dependendo de gols de bola parada, o sao paulo nao e nada disso, ate quando vcs continuarao com essa imparcialidade? e a crise do adriano ja acabou? vamos continuar comentando gente, ah uma pergunta que nao quer calar? tinha duas( tres em alguns veiculos de comunicacao) mulheres no carro do adriano, elas estavam indo ou vindo da festinha? vcs nao vao averiguar isso? cd o jornalismo investigativo?abracos

    Paulinho: Já contei o que sei

  7. ADRIANO DEVERIA IR PARA O
    FLAMENGO!
    Oi Paulinho, tudo bem?
    Você disse tudo! Se chegar às próximas fases da Libertadores!
    Estou seriamente desconfiada que o primeiro semestre do ano passado do São Paulo tem tudo para se repetir este ano, ou seja, eliminação precoce na Libertadores e no paulistinha que está vendo Palmeiras e Corinthians – apesar da derrota no clássico de hoje – evoluirem na competição. E mais: o Campeonato Brasileiro deste ano vai ser mais disputado!
    Posso estar enganada, mas acho que este ano vai ser de vacas magras para o São Paulo. Começou com as contratações ruins de Fábio Santos, Carlos Alberto e Adriano, aquele que ainda chamam de “Imperador”. A propósito, faz quanto tempo que o Adriano não joga uma partida convincente? Acho que faz no mínimo uns dois anos!
    A diretoria deveria ter levado isso em consideração antes de contratá-lo. Acho que eles ficaram com medo de o “imperador” ir jogar em outro clube brasileiro depois de ter passado pelo Refis do clube, como aconteceu com o Zé Roberto que depois foi parar no Santos, lembra? Não bastasse isso, ainda deram a camisa 10 para ele. Deveriam ter dado a camisa 10 para o Dagoberto, este sim, pode ainda dar muitas alegrias à torcida.
    É só olhar para o Adriano em campo, nas entrevistas, a postura dele. Não tem nada a ver com o São Paulo, está totalmente desfocado do clube,parece que nem conversa com os outros jogadores, parece que está isolado, se comporta como estrela que não é. No momento é um jogador comum. D
    Deveria ir para o Flamengo, clube que o projetou, pois ele mesmo disse que não iria comemorar gol contra o time da Gávea. Então, que vá logo para lá e seja feliz.
    O Carlos Alberto não precisa nem falar, não é?Como disse o Juca na CBN, o São Paulo quis dar o passo maior que a perna ao contratar Adriano e Carlos Albero. Não dá!
    O São Paulo não pode ser “babá de jogador”, querer ser bonzinho demais na hora de contratar certos jogadores porque os clubes europeus não têm dó nem piedade, quando querem tirar jogador de qualquer clube brasileiro, incluindo o São Paulo, chegam e compram! E na hora que o jogador tem problemas como os que o Adriano tem, mandam para cá. Se o Adriano estivesse jogando o que eles querem, ele nunca teria vindo para qualquer clube brasileiro porque simplesmente não o liberariam! No bem bom eles ficam lá e na pior mandam para cá. Não são eles tão poderosos, organizados, com bela estrutura? Que fiquem com os problemas dos jogadores também!
    Então, acho que está na hora de o São Paulo avaliar melhor as contrataações que faz. Que este episódio sirva de alerta para o futuro.
    O Fábio Santos é invenção do Muricy, não está jogando nada e é outro que logo vai embora, está de passagem pelo clube.
    Não é implicância, mas o Muricy não é técnico para o São Paulo, que perdeu uma grande oportunidade após a derrota para o Grêmio na Libertadores do ano passado, de contratar o Mano Menezes. Acredito que o Mano, o Autuori, o Carpegiani e o Abel Braga seriam técnicos com mais cara de Libertadores.
    Este ano, provavelmente, vai pagar o ônus de ter renovado precipitadamente o contrato do Muricy até 2009 e correr sério risco de passar 2008 em branco.
    Ele deveria ter outro cargo no São Paulo, não o de treinador, se fosse para ficar no clube.
    Ele não sabe montar times, reclama demais – com esse mal humor ele nunca treinaria times como Palmeiras e Corinthians – tem medo de substituir jogadores durante as partidas, coisa que em Libertadores não pode acontecer, escala mal o time na maioria das vezes insistindo com jogadores em posições erradas, ao contrário do que dizem, não valoriza jogadores vindos da categoria de base, usando-os muito pouco ou nada em campeonatos como o paulistinha, por exemplo. Aposto que o Sérgio Mota vai acabar sendo emprestado por causa dele.
    De que adianta ter belos centros de treinamento e não saber aproveitar os jogadores que estão lá?
    Para ele, é melhor investir no Hugo, Carlos Alberto e outros que não deram certo. Ele queria até o Roger! Só faltava essa!
    Ele barra jogadores, como já fez com o Júnior, Reasco – outro que logo vai embora por conta de não estar tendo oportunidades – e insiste com jogadores como fez com o Jadilson e agora está insistindo com o Joilson na lateral direita, sendo que no meio ele seria mais útil. Desmontou a dupla de volantes que estava dando certo porque insiste com o Fábio Santos.
    O São Paulo está num nível de estrutura que precisa ser melhor aproveitado e o Muricy não dá conta do time em competições como a Libertadores, não sabe fazer planejamento adequado, aproveitar melhor o elenco e a base.
    Precisa investir mais nos garotos e não ficar passando a idéia a eles de que jogar no time principal é inacessível, é coisa de outro mundo.
    Se o São Paulo continuar com ele como técnico, vai ter que pagar o ônus da escolha porque com a estrutura que tem, deveria ser o melhor time da América das Américas.
    Não é a torcida tricolor que é mal acostumada, é o Muricy que acostumou a ser técnico do clube e não quer sair do trono, está muito bom lá.
    Beijos,
    Daniela

    Paulinho: Parabéns ! Muito coerente a sua analise.

  8. Boa tarde Paulinho, entrei aqui propenso a fazer um comentário sobre o jogo do São Paulo no domingo, porém ao ler o pertinente comentário de Daniela, fiquei curioso sobre sua opinião sobre as coisas que ela disse.
    Gosto do Muricy, mas ele é um treinador que precisa de tempo para trabalhar a equipe e pode ser que não consiga fazer um grande time até a fase aguda da Libertadores. Ano passado a equipe começou o ano jogando mal e conseguindo resultados até ser eliminado por Grêmio e São Caetano. Após a eliminação a equipe permaneceu em baixa até que Muricy com muitas tentativas e erros, e da insistência em algumas coisas que beiram a teimosia conseguiu por méritos e muito trabalho fazer com que a equipe ganhasse corpo e se tornasse o competitivo São Paulo que chegou ao bicampeonato brasileiro.
    Sobre o investimento na base, acho que o Muricy tem um cuidado grande ao lançar garotos além de o São Paulo ter uma boa equipe que não força-o a recorrer a base como o Corínthians fez, precipitando o lançamento de alguns jogadores com um potencial enorme como você mesmo salientou no caso Lulinha. Mesmo assim Muricy se vê obrigado a completar banco com alguns garotos pelo elenco reduzido que o São Paulo possui e acredito que algum jovem será lançado esse ano e poderá nos surpreender, como aconteceu com Breno ano passado.
    Se possível gostaria que você comentasse essas características de Muricy Ramalho para que pudesse melhor entender sua opinião sobre o São Paulo e ele.
    Parabéns mais uma vez pelo seu trabalho, abraços.
    Marcelo

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: